14/01/2017

Dos diversos cenotes existentes na região, queríamos muito ir ao Sac Actun. Só que, diferente de outros que são bem próximos da estrada e dá para chegar tranquilamente a pé, esse fica a 6km de caminhada. No dia anterior, pesquisamos com alguns taxistas quanto custaria para nos levarem, esperarem e trazerem de volta, o menor valor foi de 1400 pesos (USD70). Olhamos também algumas agências que fazem passeios aos cenotes, mas não encontramos uma que levasse ao Sac Actun. Resolvemos então alugar um carro, saiu muito mais em conta do que o táxi (USD 22, locadora Álamo).

Cedinho buscamos o carro e rumamos para o cenote. Ele fica na mesma estrada que o cenote Dos Ojos, também muito famoso. Começamos a notar um movimento de pessoas muito “diferentonas” na estrada, depois ficamos sabendo que tinha rolado uma rave por aquelas bandas e aquelas pessoas estavam saindo do evento.

O cenote Sac Actun oferece passeios, feitos somente com guia, para snorkel ou mergulho com cilindro. Nós três somos habilitados para mergulhar com cilindro em águas abertas, mas não temos a habilitação para mergulhar em cavernas, então ficamos com o tour de snorkel mesmo.

Sobre esse assunto, acho importante fazer algumas observações. existem centenas de cenotes na Riviera Maia, nem todos administrados/explorados por pessoas sérias. há fortes evidências de que os cenotes são todos interligados, formando uma rede de centenas de quilômetros de túneis subterrâneos. Boa parte já foi mapeada, mas grande parte, não. nem todas as empresas vão verificar se a pessoa é qualificada para mergulhar em cavernas. Portanto: muito cuidado ao escolher a operadora e ao verificar a qualificação dos profissionais, ouvimos algumas histórias bem horrendas de pessoas que morreram afogadas porque se perderam dentro das cavernas, mesmo acompanhadas de guias. 🙁

Continuando. O tour tem 45 minutos de duração, está incluso o empréstimo de máscara, snorkel e colete inflável (o uso desse é obrigatório, a fim de evitar contato e danos às estalagmites). Eles vão formando pequenos grupos conforme as pessoas vão chegando, não levou 15 minutos para o nosso passeio começar. Outra informação importante é que não há armários ou guarda-volumes (mais um ponto negativo para quem vai de táxi), deixamos tudo no carro.

sac actun 01

Olha isso!

sac actun 05

A água é bem fria, especialmente porque passamos quase o tempo todo em saguões de pedra parcialmente inundados, onde nunca bate sol. Usei blusa de lycra e meias de neoprene e foi suficiente para ficar confortável.

sac actun 06

Os quarenta e cinco minutos passaram em um piscar de olhos. A cor da água é linda demais. Os saguões onde chegamos são sensacionais, é um cenário quase de outro planeta. No maior dos saguões há alguns pontos de iluminação artificial, dá para observar diversos peixes. Mesmo sem entrarmos em ambientes completamente inundados, nos sentimos dentro das entranhas da terra. Nosso guia era o Luís e foram muito legais as explicações que ele deu.

NOVATEK CAMERA

NOVATEK CAMERA

NOVATEK CAMERA

Em resumo, foi espetacular. Valeu cada centavo, incluindo o gasto com o aluguel do carro. Foi uma das melhores coisas que fizemos nessa etapa da viagem.

No caminho de volta, o movimento da saída da rave estava forte. Sabe “festa estranha com gente esquisita”? Pois é. Nunca vi tantos tipos raros concentrados em um só lugar. 😀

Almoçamos novamente na taquería El Arbolito.

Na noite anterior estávamos lendo sobre possíveis locais interessantes, para aproveitar o aluguel do carro. Encontramos um blog falando maravilhas sobre Boca Paila, e resolvemos nos tocar para lá.

Boca Paila fica a uns 25 km de Tulum, dentro da reserva natural de Sian Ka’an. A maior parte da estrada é de chão batido, e é preciso pagar entrada do parque.

sian kaan

Na maior parte do tempo o cenário era esse… 😕

Andamos um bom tempo até achar um lugar onde desse para acessar a praia, pois a maior parte do caminho é de vegetação fechada ou então de propriedades privadas e hotéis chiques. Quando finalmente chegamos em uma praia, a faixa de areia era minúscula, batia só sombra porque o sol já estava atrás das árvores e ventava muito forte.

boca paila 02

Ainda paramos em alguns lugares bonitos para admirar o visual, mas resolvemos voltar. Os três um tanto mal-humorados, porque acabou não sendo o que a gente esperava.

boca paila 01

boca paila 03

Ainda bem que o passeio da parte da manhã já tinha feito valer o dia. Abastecemos e devolvemos o carro.

À noite, mais uma passeada pela avenida de Tulum. Depois, para dar fim no nosso pacote de camarões enormes e deliciosos, fizemos camarões ao alho e óleo e estrogonofe de camarão. No dia seguinte partimos cedo para Cozumel. 😛

Alguns gastos (pesos):

  • Tour snorkel Sac Actun (por pessoa): 450
  • Almoço para 3: 138
  • Entrada parque Sian Ka’an (por pessoa): 32
  • Aluguel do carro: 420
  • Gasolina: 170